terça-feira, 22 de abril de 2014

Amigomô

Uma música de loucas..
'' Quero usar meu tênis nike, e dançar ate desgasta-lo''
Quem nunca teve uma amizade meio mô?

Sorriso lindo encantador, menina grossa mas com um coração de ouro.
Eu tenho a melhor amiga desse mundo.

Mô dorme comigo hoje?
-Me deixa deitar em seus braços e descansar a noite toda?

Onde começamos? já nem lembro!
E pouco me importa ate onde iremos.

Cabelo bagunçado, você atura ate meu chulé.
Bebemos e fumamos, jogamos sinuca e roupas pro ar.

Por que minha amigomô é isso ai..
Louca!
Pervertida e idiota.
Falamos besteiras no buteco.

Bolamos aquele baseado... ''Fininho''
Que deixa a galera pra lá de Miami.

Atrasadas, sempre estamos, mas não perdemos a classe de sair pela rua
se paparicando e se arrumando...

Fuck!

E que o mundo seja nosso tapete, pois por cima de nos? Só Deus .
[B.Katter]



Em Chamas

Seu corpo treme..
Sua alma sente.

O que te agrada?
Um segredo em cena de tirar o fôlego

Estou em transe.
Toque-me , suga-me.
Constantemente...

Em chamas meu ser pede por mais e mais.
Como saciar essa sede de veneno?

Parece abstrato, talvez seja!
Um quadro pintado a mão.

Um carro parado, em uma rua escura .
Vidros embaçados, em chamas..
[B.Katter]

segunda-feira, 24 de março de 2014

Empresta-me Ti.

Por favor me empresta você?
Devolvo-te no fim do dia.
Assim que o sol se pôr..

Vamos tomar um café e falar de amor;
Vamos olhar lugares, pessoas,imagens, imagine ai.
Te quero pra me alegrar, pra falar e ouvir o silêncio também..
Vai embora no fim do dia.

Vamos falar de Tom Jobim, Cícero e das cartas que te escrevi.
Falar sobre as dores que tivemos e os ataques de risos.
É pra você saber que eu te quero, é pra você ensinar-me a arte do sentir.

Por favor me empresta você em francês.
Empresta-me teus olhares,teu sorriso e tua boca.
Deixe-me senti-la.

Empresta-me tua poesia e lhe darei a minha.
Vou querer neste dia, o teu dom de me encantar.
Me leva, assim com você, empresta-me você.
Iremos onde tem alegria, onde o silêncio é cópia.

Vamos onde o amor esteja sentado, com dor de cabeça e uma flecha na mão.
Farei de ti única, sem medo de perder.
Devolva-me no fim do dia.
Sem resquício de paixão, amor, so encantamento.

Sem medo da despedida, sem fobia do silêncio;
Tomaremos um café e depois nos deixaremos.
Uma carta te deixo no bolso.
Pra que tu lembraste da pequena katter.

Levarei teu sorriso em meus lábios.
Faço de ti minhas noites de sono nos últimos anos;
Te levarei antes mesmo de acordar.




sexta-feira, 21 de março de 2014

Dance

Dance, Esbanje .
Deixe-me ver sua alma?

Solte seus medos através dos seus movimentos.
Pra que temer?
Pra que tristeza? Acredite.

Dançar liberta a alma.
Segure minhas mãos meu amor, deixe seu corpo leve.
Se entrega pra mim.

Novamente!!!

Vamos tentar algo novo.
Onde possamos, fazer tudo aquilo que queremos .

Sem restrições.

Dance, se liberte!!
[B.Katter]

sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014

Noite de Luar, Céu Estrelado.


Deitados em um lugar proibido.

Falta alguém que já não faz mais parte de nos.

Bebendo, ouvindo nirvana, link park , Aquelas músicas..
As nossas!

Assuntos aleatórios, olhos fixos.

Olhar carente.

Bone preto, tênis desgastado.

Camisa negra, nossas mãos se encontram..

Segredos de família.

Duas e meia da manhã.
Eu nem imaginava sentir tanta dor em meu peito.

Tanto a dizer..
Nada a declarar.

-Que bairro morto.
-Estamos juntos

Risadas

Que sorriso lindo ele tem, tão zeen.

A hora não passa...

-Ainda amo você Bia,

Não tenho o que dizer ..
Desculpa garoto.

Sober- Pink

A música nos invade e eu quero te tocar..

Não posso ainda parece ser tão proibido.

Chega preciso ir..
-Não agora!

Nos amamos..

[B.Katter]

Lembrete Eterno

Meia noite meu telefone toca..

Uma voz rouca que dizia...
-Preciso te ver

Vou me encontrar com ele...
Na pracinha.

Onde ja se passaram magoas.
Que delicia te ver.
Saudades de você garoto!

Bebida na mão..
Estou chegando;

Lua cheia minha garota...
Vem beber comigo.

Ouço seus passos se aproximando, cara de mal.
Barba por fazer.

Jeito louco..

Fogueira na madrugada.

Um eterno lembrete

[B.Katter]

A noite me virou

Viramos à Noite ..
A Noite Virou-me.

Eu e ele
Ele e eu

Noite fria, Corpos se aquecendo ..

Linguajá um Pouco fora de moda.

A Noite nos virou...
Te encontrei A Noite.
Me despedi de dia.

FOI DEMAIS ...
Adultos Como adolescentes bêbados Pela Noite.

Andando sem rumo
pela noite vazia.
A noite nos virou.
Viramos a noite

Passarinhos cantam, Era morcegos a nos perseguir.

Que Noite louca,
A Noite nos virou...
[B.Katter]